Como fazer plano de saúde barato?

Essa é uma pergunta que você deve está fazendo?

Mais antes disso vamos conhecer um pouco da diferença do sistema de saúde pública.

 

Em uma época onde o sistema público de saúde não é a opção para muita gente, é importante que essas pessoas saibam melhor o funcionamento dos planos de saúde e para muita gente, quanto mais barato o plano de saúde melhor, até porque ninguém quer pagar mais por algo que lhe forneça a mesma coisa.

 

Eu mesmo tinha essa dúvida quanto ao plano de saúde e tive problemas ao tentar achar um plano que resolvesse meus problemas após eu perder o plano que eu tinha direito por ser na época ser considerado dependente.

 

Como eu, muitas pessoas tem esse problema, seja porque perdeu a condição de dependente, seja porque perdeu o emprego, seja porque a empresa não oferece mais planos ou qualquer outro motivo.

 

Justamente por conta disso, vamos te mostrar hoje como fazer a adesão a esses planos de saúde baratos e onde você pode achar eles.

 

Muitas pessoas já têm acesso ao plano de saúde por meio da empresa qual trabalham, ou também tem acesso ao plano por serem dependentes de pessoas que trabalham em uma empresa que oferece isso, de qualquer forma de você está aqui, você não é uma dessas pessoas.

planos de saude

 

O que é plano de saúde e como fazer adesão?

Plano de saúde é um serviço no qual você contrata uma operadora de saúde que te dá acesso a diversos hospitais particulares pelo Brasil todo, ou seja você pagará uma mensalidade para ter acesso a hospitais melhores.

 

Existem vários tipos de planos de saúde pelo Brasil todo, desde os mais baratos que são suficientes para pessoas de baixa renda e cobrem coisas normais como uma consulta ao médico, como também os planos mais caros que cobrem situações de risco ou tratamentos muito caros, logo cabe a você escolher aquele que caiba no seu bolso e te dê mais facilidade.

 

O fato é que a cobertura do plano de saúde é sempre destacada no contrato, então quando você fizer a adesão, veja no contrato o que o plano estará cobrindo e se é interessante, caso seja você pode partir para o passo seguinte.

 

Quanto a adesão, ela pode ser feita de várias formas, mas a forma mais comum de se fazer a adesão é por meio de corretores, que são pessoas que vendem esse plano de saúde para você e independente do corretor que você escolha, o preço sempre será o mesmo, então você não precisa buscar corretores que ofereçam os mesmos planos, você só precisa achar um corretor que ofereça o plano que lhe cabe.

 

Para a adesão, você precisa apenas ir a um corretor, apresentar o plano de saúde que você se interessou (ou pedir a ele que explique melhor os planos que ele representa, caso você não conheça  nenhum plano de saúde) e caso lhe interessar o plano, peça a ele para fazer a adesão a esse plano que você escolheu, depois é só você acompanhar o processo com seu corretor.

 

É importante destacar que é sempre importante pesquisar antes sobre qual o melhor plano para você, já que as coberturas podem ser diferentes, então você pode se encaixar melhor no plano do que no plano b (mesmo o plano sendo mais barato e você achando que por conta disso o b é melhor), isso porque você pode estar pagando por um plano que vai te dar coberturas que você nunca vai precisar.

 

Como fazer adesão a um plano de saúde para estudante?

Um dos grandes problemas nesse país, é o fato de que muitos planos de saúde (para não dizer todos), quando o dependente completa 18 anos e não é mais um dependente de uma pessoa que tem acesso a um plano de saúde em específico, ele perde o direito ao plano de saúde que tinha antes, logo sobram duas opções: recorrer ao SUS ou fazer um plano de saúde normal, porém o que muita gente não sabe é que existem planos de saúde estudantis muito mais baratos que os normais, você vai economizar não tendo nenhuma redução na sua cobertura.

 

Esse é um plano de saúde oferecido pelas operadoras de plano de saúde para qualquer pessoa que esteja matriculada em uma instituição de ensino, seja ela uma escola ou uma universidade.

 

É um plano de saúde muito mais barato que os planos contratados por qualquer outra pessoa que queira contratar um plano comum, por esse fato ele já vale muito a pena.

 

Os requisitos para contratar esse plano de saúde estudantil não são muitos. 

 

O primeiro deles é a carteirinha da UNE/UBES ou UBE, o segundo requisito é uma declaração de matrícula de no máximo 6 meses e uma cópia do RG e do CPF, tendo esses documentos você está pronto para entrar com pedido do plano estudantil.

 

Para fazer a adesão, a situação é a mesma que no último tópico, você deve procurar um corretor e ele te mostrará os benefícios do plano de saúde que você quer contratar, podendo então fazer a negociação da mesma forma, mas pagando menos.

tipos de planos de saude

Como ganhar desconto no plano de saúde?

 

Há diversas maneiras de você ganhar descontos no seu plano de saúde.

 

A primeira coisa que deve ser feita é consultar seu corretor e a operadora que você quer ter acesso antes de fechar o contrato para saber melhor qual o máximo de desconto e que tipo de desconto você pode ter acesso, levando em conta que são várias as formas veja o menor valor que pode ficar seu plano.

 

Uma das formas mais clássicas de se ganhar desconto é você contratando apenas a cobertura necessária, pois além da diferença existente entre operadoras diferentes, existem diferenças de cobertura no próprio plano, então você contratando apenas o que necessita economiza muito.

 

Uma outra forma também é você aderir a versões coletivas dos planos de saúde, onde o valor fica muito mais barato e portanto é um grande desconto.

 

Utilizar parcerias também ajuda muito, sejam elas com instituições de ensino, sindicatos, profissão e muito mais.

 

Por fim, se você é uma pessoa saudável e que pratica exercícios você tem grandes chances de ter grandes descontos na mensalidade do seu plano de saúde, então é bom você destacar também todos os exercícios que faz e como não é sedentário, caso isso se enquadre para você.

 

Há operadoras que aceitam fazer adesão a uma outra operadora não deixando de utilizar os serviços da atual?

Muita gente não sabe, mas existe um processo chamado de portabilidade que é quando um cliente vai de uma operadora de plano de saúde para a outra, ou seja o cliente está insatisfeito com o serviço de um plano e vai para outro.

 

Esse processo é um processo demorado e pode ocorrer de operadoras de plano de saúde não oferecerem o serviço para seu cliente durante o processo de portabilidade, lembrando que isso só acontecerá se sua operadora não cobrar mensalidade de você.

 

O fato é que há sim operadoras que cobram mais barato, ou até mesmo o valor cheio (lembrando que durante o processo de portabilidade, você não estará pagando pelo serviço da operadora que você está migrando, mas também não terá acesso aos serviços dela) da mensalidade para que o cliente continue usando e portanto que possa ter acesso aos serviços.

 

Então sim, é possível continuar usando e depende muito da conversa que você vai ter com sua operadora atual e saber as regras.

 

Obviamente que você deve estar em dia com o seu plano de saúde para ter acesso aos serviços.

 

Agora que você já sabe as regras, preste muita atenção e pesquise muito antes de fazer a adesão a um plano.

 

Boa sorte!!

© 2020, ANTONIO IVAN VIEIRA. All rights reserved.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui