"V" passa por reforma e ganha mais clichês de ficção científica no 2º ano

FONTE:http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/856122-v-passa-por-reforma-e-ganha-mais-cliches-de-ficcao-cientifica-no-2-ano.shtml

Publicidade

CLARICE CARDOSO
DE SÃO PAULO

Depois de ser adiado nos EUA, "V", sobre alienígenas que pousaram na Terra voltou nesta semana à TV americana com fé de que a fórmula das séries clássicas de ficção científica podem atrair audiência e mantê-lo no ar.

Se antes não parecia à vontade dentro do gênero em que era incluído (demorou para mostrar a real cara dos visitantes), abraçou seus clichês no segundo ano. E dá-lhe ETs verdinhos de olhos esbugalhados.

(Se não quiser saber nada sobre o episódio, que chega ao Brasil ainda neste semestre, na Warner, melhor parar a leitura por aqui.)

  Divulgação  
Os personagens Tyler (Logan Huffman) e Erica (Elizabeth Mitchell) em cena do seriado norte-americano "V"

A história volta com o mundo em pânico pois o céu está vermelho. O clima piora quando começa uma chuva com cor de sangue.

Tudo parte do plano de Ana (vivida pela brasileira Morena Baccarin). Ela quer se vingar dos rebeldes que tentaram matar os soldados que ela criaria a partir de uma sopa de girinos ETs. Mas se complica porque, assim, expressa emoções humanas.

"V" parece ter recuperado também os efeitos especiais do original dos anos 80. Há nojeirinhas de todo tipo, de rostos derretendo a rabos pontudos. E há um agrado para fãs da primeira versão: Jane Badler, a glamourosa vilã Diana, volta. O melhor: como a mãe de Ana.