Vira Lata

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Vira-lata (telenovela))
Vira Lata
 
Informação geral
Formato Telenovela
Duração 50 min
Criador Carlos Lombardi
País de origem Brasil
Idioma original Português
Produção
Diretor(es) Jorge Fernando.
Elenco original Humberto Martins
Marcello Novaes
Mário Gomes
Carolina Dieckmann
Vanessa Lóes
Betty Lago e grande elenco
Exibição
Emissora(s) de
televisão lusófona(s)
Mostrar lista
Transmissão original 1 de abril de 1996- 27 de setembro de 1996
N.º de temporadas 1
N.º de episódios 155 capítulos
Portal Televisão · Projeto Televisão

Vira-lata foi uma telenovela brasileira produzida e exibida no horário das 19 horas pela Rede Globo entre 1 de abril e 27 de setembro de 1996, com 155 capítulos. Foi escrita por Carlos Lombardi e dirigida por Jorge Fernando.

Sinopse

Quando o promotor Bráulio Vianna descobre que sua mulher Helena lhe ocultava que seu pai Moreyra é um estelionatário procurado pela polícia, exige que ela escolha entre suas pequenas filhas, Geovana e Juliana, ou seu pai. Helena então viaja para Florianópolis para refletir e tomar uma decisão. Lá ela conhece Lenin, por quem se apaixona. Ao saber que seu pai era traído por seu cunhado Ítalo, e que sua família lutava pelo poder, Helena decide ajudar o pai que corria perigo de vida, e assim some com ele.

Enquanto isso, Pietra volta a vida dos irmãos Wanderpetroviktz, seduzindo Lenin e Fidel, que se debate entre o amor pela doce Renata e a paixão por Pietra. O caçula Mussolini é apaixonado secretamente por Renata e conta com o apoio de Pietra, que cria situações de conflito entre Lenin e Renata. Mas o conflito maior acontece quando o encrenqueiro Lenin envolve o certinho Fidel em uma enrascada, e faz de tudo para livrar o irmão da cadeia. Para completar aparece a mãe dos irmãos Lenin e Fidel, Laura, que os abandonou e agora ambiciona a herança da família, lutando para os separar. E na família há um estigma, um dos irmãos devera morrer portador de uma doença congênita.

Ainda há as peripécias do atrapalhado Ângelo, na sua tentativa de fugir da mulher Stella, louca para pôr a mão no marido que só faz aprontar.

Com um enredo totalmente cômico e diversas situações engraçadas e totalmente sem nexo, a novela conseguiu alcançar consideráveis 34 pontos de média no geral.

Elenco

Trilha sonora

Trilha sonora nacional
  1. "A Queda" - Lobão
  2. "Devagar, Devagarinho" - Martinho da Vila
  3. "Baby" - Paulo Ricardo
  4. "Tango Para Teresa" - Ângela Maria e Agnaldo Timóteo
  5. "Templo" - Renata Arruda
  6. "Só Quem Amou Demais" - Chitãozinho & Xororó
  7. "Cachorro Vira-Lata" - Baby do Brasil (tema de abertura)
  8. "Na Estrada" - Marisa Monte
  9. "Contigo en la Distância" - Caetano Veloso
  10. "Jardins da Babilônia" - Barão Vermelho
  11. "Linhas Tortas" - Marina Lima
  12. "Fica" - Bantus
  13. "Na Rua, Na Chuva, Na Fazenda (Casinha de Sapé)" - Kid Abelha
  14. "Detalhes" - Erasmo Carlos
Trilha sonora internacional
  1. "Wonderwall" - Oasis
  2. "How Deep Is Your Love" - Take That
  3. "Lunes Martes" - Ambra
  4. "Gonna Be My Baby" - Double You
  5. "Before You Walk Of My Life" - Monica
  6. "I Love To Love" - Randy Bush
  7. "Crying In The Rain" - Culture Beat
  8. "La Mia Storia Tra Le Dita" - Gianluca Grignani
  9. "Monalisa" - Rob N' Raz
  10. "Land Of Dreaming (Radio US Mix)" - Masterboy
  11. "Salvation" - The Cranberries
  12. "I Found Faith" - Silent
  13. "Ride On The Rhythm" - Black Wood